A mensagem de Wálter Fanganiello na Baixada Santista

Orla da cidade de Santos

No último sábado, nove de dezembro, o desembargador Wálter Fanganiello Maieorvitch foi à Santos para ministrar uma conferência intitulada “Relações Brasil-Itália: Mãos Limpas e Lava Jato”. O encontro se deu na Società Italiana di Santos e está intimamente ligado à algo que faz parte da sua vida nos últimos 30 anos: o combate ao crime organizado e a corrupção transnacionais, agora atrelado à sua campanha ao Parlamento italiano, por ser dela uma das prioridades. “Corrupção se combate todos os dias. E os cidadãos têm papel fundamental nessa vigilância de conduta, manifestando opiniões e posicionamentos por meio das redes sociais”. E também devem fazê-lo através do voto, através de representantes adequados, qualificação que Wálter pode exibir com legitimidade. O fato de um jornal tradicional e centenário como “A Tribuna”, de Santos, dedicar mais de meia página ao debate mencionado, indica que que a mobilização e a candidatura do desembargador são extremamente representativas das aspirações e expectativas das pessoas de se verem livres desses flagelos contemporâneos do poder político-financeiro.

Wálter em destaque no Jornal A Tribuna

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here